"Eu sabia que poderia sofrer consequências", diz Rita após demissão da RedeTV!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Jornalista foi desligada da emissora após comentar no Facebook sobre atrasos de salários

Em entrevista ao jornal "O Estado de S.Paulo", a jornalista Rita Lisauskas falou sobre sua demissão da RedeTV!.

No final do ano passado, ela reclamou no Facebook sobre o atraso dos salários dos profissionais da emissora - inclusive o dela -, e foi suspensa pela emissora. Posteriormente, ela acabou sendo demitida.

O desligamento foi oficializado via telegrama. Além da rescisão do contrato, que venceria apenas em 2013, a RedeTV! ainda reclama a multa contratual da jornalista, que já demonstrou intenção de ingressar na Justiça para buscar seus direitos.

"Não fui ingênua, eu sabia que poderia sofrer consequências, mas os salários foram pagos e vejo que o que eu fiz não foi em vão", disse Rita ao jornal. "Não aguentava mais ver colegas, ao meu lado, tratando com agiotas, por falta de salário", completou.

Ela ainda comentou que tem recebido apoio nas redes sociais e acredita que tenha espaço no mercado para "uma jornalista honesta, que tenta honrar a profissão".

"Não tenho apego ao cargo de âncora. Estava na RedeTV! havia 11 anos e há 8 apresentava o jornal", frisou.

Na RedeTV!, o desligamento de Rita Lisauskas foi explicado pela quebra de regras que proíbem os funcionários de comentar assuntos internos nas redes sociais.

Procurado, o diretor de jornalismo da emissora, Américo Martins, não quis comentar o caso. Ele apenas confirmou que Amanda Klein será a titular da bancada do "RedeTV! News" ao lado de Augusto Xavier.

Klein era repórter do SBT e já estava na RedeTV!, onde se revezava com Kennedy Alencar no comando do programa "Tema Quente", função que agora caberá a Patrícia Zorzan.

Do Na Telinha | Imagem: Reprodução

1 comentários:

Anônimo disse...

E uma vergonha que um profissional não possa expressar sua indignação.

Postar um comentário

leia também