Reynaldo Gianecchini fala, pela primeira vez, sobre câncer linfático: "É um diagnóstico que assusta"

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Ator gravou depoimento para a Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia

Reynaldo Gianecchini falou, pela primeira vez, sobre a luta que trava contra um câncer linfático, diagnosticado em agosto.

O ator gravou um depoimento para a Abrale (Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia), no qual afirmou que o amor do público foi fundamental assim que ele soube ser portador da doença.

- É um diagnóstico que assusta, primeiro porque não pensamos que podemos ter um câncer e segundo porque é uma doença que tem um estigma. Mas durante o tempo que fiquei esperando o resultado, eu e minha família nos iluminamos muito. Quando a notícia virou pública, todo o amor que recebi com certeza foi fundamental para o meu crescimento.

Gianecchini se engajou na luta pelo diagnóstico precoce do linfoma e se tornou o mais novo integrante do Movimento Contra o Linfoma, campanha lançada pela Abrale no mês passado.

- Fazer parte de uma ação como esta, realizada pela Abrale, é muito gratificante e fortalecedor. Afinal, o objetivo principal é o que mais priorizo no momento: a vida.

A campanha conta também com a participação de mais oito atores e apresentadores: Amandha Lee, Caco Ciocler, Camila Morgado, Drica Moraes, Mateus Solano, Marcelo Airoldi, Odilon Wagner e Sarah Oliveira.

Do Entretenimento / R7 | Imagem: Foto Reprodução

0 comentários:

Postar um comentário

leia também